Passaporte brasileiro volta a incluir filiação e pode vir com autorização a viagem de menor : 27/11/2014

A Polícia Federal divulgou novidades na emissão de passaportes brasileiros, já em vigor desde o dia 24 de novembro.

O maior avanço desburocratiza a autorização para viagem desacompanhada de menores. A partir de agora, no momento da emissão de um novo passaporte, os pais podem optar por incluir uma folha em que consta a autorização para o menor viajar desacompanhado ou acompanhado por apenas um dos pais -- acabando com a necessidade de emitir uma autorização com firma reconhecida a cada viagem.

(É uma folha opcional: os pais que preferirem podem continuar com o sistema de uma autorização avulsa a cada viagem.)

Mas não é só isso. No rodapé do comunicado, discretamente, a Polícia Federal informa a correção da barbeiragem mais inacreditável do passaporte azul, que é a falta de campo de filiação. Os passaportes brasileiros emitidos desde o dia 24 voltam a informar o nome do pai e da mãe do titular do passaporte. A inclusão do campo acaba com a necessidade de menores terem que apresentar RG ou certidão de nascimento para provar que estão viajando com os próprios pais.

Se você tem filhos menores, vale a pena fazer o novo passaporte já com as novidades. Custa R$ 156,07 e deve ser agendado no site da PF.

Fonte: http://www.viajenaviagem.com/